Por que a gordura da barriga é a mais difícil de perder?

CLAUDIO AMORIM MED EMAGRECIMENTO

Porque perder a barriga é tão difícil?

Está é a pergunta mais comum quando desejamos emagrecer, porque as gordurinhas abdominais parecem ser as mais complicadas e resistentes de perder, mesmo depois de uma boa dieta?

Ter um abdômen trincado é um dos principais motivos para as pessoas evitarem algumas bebidas e alimentos. A notícia boa é que nem sempre esta barriguinha é sinal de gordura, pois ela pode ser um inchaço ou até gases, por exemplo.

De repente, se você tomar um chá ou suco, já acaba sendo o suficiente para conseguir queimar aquela barriguinha que te incomoda.

O que evitar para ter uma barriga mais definida?

Para ficar em boa forma, é essencial que você evite o refrigerante e feijão, pois eles geram gases. Fique longe também de frituras, presunto, queijo amarelo, pão branco, salsicha ou salame.

Logo aqui, já conseguimos perceber que não é nada fácil perder a barriga! Além disso, você ainda vai ter que evitar alimentos que causam retenção de líquidos, sendo que o sal é o maior vilão neste quesito.

O que você deve consumir

Se você está em busca de uma barriga sequinha, comece agora mesmo a consumir alimentos que sejam ricos em fibras e que auxiliam o organismo na hora da digestão.

Uma opção muito boa é fazer uso de sucos desintoxicantes que agem principalmente nas gorduras adquiridas.

Mas, por que a gordura da barriga é a mais difícil de perder?

Os possíveis motivos para sua barriga não secar

  • Não comer de 3 em 3 horas 

Esta é a principal dica de qualquer nutricionista e já é bem famosa, talvez você já tenha se cansado de ouvir, mas vale mencionar.

  • Não fazer uma boa mastigação 

Pode parecer inacreditável, mas até o estresse ou a ansiedade, podem prejudicar o seu modo de mastigar os alimentos. E, este pode ser o ponto chave que sua barriga está precisando para se livrar das medidas extras.

Se você mastiga muito rápido ou come sempre apressado, provavelmente não terá digestão adequada e de qualidade. Procure perceber se esse não é o seu caso e tente, ao máximo, comer mais devagar ao fazer suas refeições.

  • Não praticar atividades físicas 

Talvez você tenha medo que este seja o motivo. O bom, é que possivelmente este é o mais fácil de resolver, porque é só ter um pouco de força de vontade e fazer atividades leves, como pedalar ou caminhar.

O importante é que você não deixe os exercícios de lado, principalmente se leva uma vida mais sedentária ou calma.

  • Não reduzir nas refeições à noite

Mesmo que você faça apenas lanches bem leves durante a noite, é bom ficar atento a digestão neste horário, porque ela é diferente, especialmente depois das 22 horas, quando o organismo funciona mais devagar. É bom evitar o consumo de carboidratos durante esse período.

Por fim, é necessário lembrar, que todo mundo tem um tipo de metabolismo. E, também, que você tenha em mente que ter saúde é sempre o mais importante.

O essencial é ter uma vida saudável e se sentir bem com você mesmo. Se mantenha de alguns excessos, pois são eles quem levam a sua dieta para baixo.

Para emagrecer comendo de tudo e com saúde, comece a colocar em prática algumas dicas, CLIQUE AQUI e assista as aulas grátis. Acelere seu metabolismo e viva melhor.