NUTELLA CANGERÍGENO? Produto está sendo retirado dos supermercados

MED CLAUDIO AMORIM

Quem nunca provou Nutella? Esse creme de avelã e chocolate tem conquistado milhões de fãs em todo o mundo, mas a notícia explosiva do momento é que os produtos foram retirados de vários estabelecimentos comerciais da Itália, depois que a Autoridade Europeia emitiu um alerta sobre a segurança desses alimentos.

Isso ocorreu devido a um ingrediente encontrado na Nutella: O óleo de palma. Como muitos já sabem, esse óleo é potencialmente cancerígeno.

Em 2016 vários informativos sobre o óleo de palma foram dados – pois quando este é aquecido em temperaturas acima de 200 graus celsos, o risco de câncer se torna proeminente.

A notícia logo se espalhou sobre o assunto, deixando várias lojas comerciais em alerta. A líder me mercado Coop foi uma das que temporariamente deixou de vender o produto em suas prateleiras.

Helle Knutsen – presidente da Autoridade Europeia, ainda afirma que o agente conhecido como glicidol é tóxico e altamente nocivo, podendo até desenvolver cancro nas pessoas que consomem produtos que o contenham.

O que a empresa que fabrica Nutella diz a respeito do assunto?

A empresa Ferrero garante que seus produtos são feitos com produtos de altíssima qualidade e quando questionadas a respeito do assunto, Vicenzo Tapella – Diretor de Vendas da organização, afirma que todos os produtos da empresa são seguros.

Algumas pessoas até sugeriam que durante o preparo de Nutella, o óleo de palma, poderia ser substituído pelo de girassol ou de colza, mas segundo o próprio diretor, isso iria reduzir a qualidade da textura do creme de Nutella, já que o ingrediente do óleo da palma é um dos responsáveis pela consistência que o produto tem.

Além disso, segundo análises do mercado, essa substituição faria com que a empresa gastasse 20 milhões a mais no preparo da Nutella. O que não traria tanto lucro para a empresa fabricante.

A Ferrero hoje, consegue ter um quinto do seu faturamento através desse produto e por conta de toda essa repercussão, lançou uma campanha publicitária para garantir a segurança do produto.

Tudo isso devido a esse agente chamado de GE – Glycidyl fatty acid esters – que segundo a EFSA evidências confirmam que essa substância é tóxica e também é capaz de provocar câncer.

Apesar de todo esse “reboliço”, ainda não existem limites seguros de consumo para esse ingrediente e por isso, foi algumas vendas em determinados supermercados foram suspensas.

A Comissão Europeia até o final do ano, está para emitir uma orientação sobre o assunto – de acordo com o porta-voz Enrico Brivio (Saúde e Segurança Alimentar do País).

De acordo com um novo documento, as medidas devem conter regulações sobre os níveis de GE permitidos nos produtos alimentares, no entanto, até o momento o óleo de palma continuará sendo adicionado aos preparos de vários alimentos.

Além da Nutella, outras empresas que utilizam o óleo de palma são:

  • Nestlé.

  • Bem & Jerry’s.

  • Clover.

  • Cadbury.

  • Entre outras.

E então, qual sua opinião sobre o assunto? Você é fã de Nutella?

Para emagrecer comendo de tudo e com saúde, comece a colocar em prática algumas dicas, CLIQUE AQUI e assista as aulas grátis. Acelere seu metabolismo e viva melhor.